BDEFS (Kit Completo) - Escala de Avaliação de Disfunções Executivas de Barkley

Disponibilidade: Em estoque

Preço: R$ 360,00

Preço Promocional R$ 324,00

Descrição do Produto

A Escala de Avaliação de Disfunções Executivas de Barkley (BDEFS) se propõe a avaliar os possíveis déficits das funções executivas nas atividades cotidianas. Entre as funções avaliadas estão:

- Gerenciamento de tempo;

- Organização e resolução de problemas;

- Autocontrole;

- Automotivação;

 - Autorregulação de emoções.

Com uma forte base teórica, o material se classifica padrão ouro, sendo um grande aliado para estudos e trabalhos acadêmicos. A escala de autorrelato é destinada a adultos entre 18 e 70 anos, sendo não restrita e podendo ser aplicada de forma individual ou coletiva.

Principais vantagens:

  • Escala fácil e rápida de ser aplicada;
  • Maior liberdade ao aplicador, pois fornece uma versão longa e uma versão curta;
  • Possibilita correlacionar alguns comportamentos com o TDAH;
  • Possibilita complementar a avaliação de diferentes profissionais.

Detalhes

Material para aplicação:

Manual, folha de resposta e caneta ou lápis (o instrumento para a escrita não vai junto a coleção)

Tempo de aplicação:

Cerca de 15 a 20 minutos para a versão longa e 5 minutos, em média, para a versão curta. Não havendo tempo limite.

Adaptadores:

Victor P. Godoy:

Psicólogo pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e membro do Laboratório de Investigações em Neurociência Clínica (LINC) da Faculdade de Medicina da UFMG ligado ao Programa de Pós-Graduação em Medicina Molecular. Foi bolsista de iniciação científica pelo Programa Jovens Talentos para a Ciência (CAPES - PJTC 2015-2016). É colaborador da Sociedade Brasileira de Neuropsicologia (SBNp) desde Março de 2015 e atualmente é Presidente da Comissão Jovem (SBNp Jovem). É monitor bolsista de Avaliação Psicológica selecionado pelo Programa de Monitoria de Psicologia da UFMG desde Setembro de 2016. É estagiário do Instituto ILUMINA onde auxilia em processos de avaliação neuropsicológica e em terapia cognitivo-comportamental. Tem interesse em adaptação, validação e normatização de instrumentos voltados para avaliação neuropsicólogica; modelos neurocognitivos; Neurociência aplicada e básica; investigação da relação entre funções executivas e psicopatologias; e intervenções clínicas baseadas na Neuropsicologia Cognitiva e em Terapia Cognitivo-Comportamental.

Paulo Mattos:

Graduado em Medicina pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1984), mestrado em Psiquiatria, Psicanálise e Saúde Mental pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1990), doutorado em Psiquiatria, Psicanálise e Saúde Mental pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1993), pós-doutorado em Bioquímica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2004). Professor Associado da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Coordenador da Disciplina de Psiquiatria e Saúde Mental da Faculdade de Medicina da UFRJ (2005 até o presente). Pesquisador do Instituto Dor de Pesquisa e Ensino (2011 até o presente). 

Leandro F. Malloy-Diniz:

Psicólogo formado pelo Departamento de Psicologia da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas (FAFICH) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Mestre em Psicologia pelo Programa de Pós-Graduação em Psicologia da FAFICH-UFMG. Doutor em Farmacologia Bioquímica e Molecular pelo Instituto de Ciências Biológicas (ICB) da UFMG. Atualmente é Professor Adjunto  do Departamento de Saúde Mental da Faculdade de Medicina (FM) da UFMG. Pertence ao quadro de orientadores permanentes dos Programas de Pós-Graduação em Saúde da Criança e de Medicina Molecular na FM-UFMG.É orientador colaborador do PPG em Ciências dos Esportes da EEFTO-UFMG. Foi presidente da Sociedade Brasileira de Neuropsicologia nos biênios 2012-2013 e 2013-2015. É membro fundador e atual presidente da Associação Brasileira de Impulsividade e Patologia Dual. 

 

Informação Adicional

EditoraHogrefe
ISBNNão

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.